Festa da Padroeira de Monte Sião

Festa da padroeira

Um dos pontos turísticos mais procurados e visitados da cidade de Monte Sião é o Santuário de Nossa Senhora da Medalha Milagrosa. Fiéis dos mais variados lugares vêm ao município fortalecer sua fé e participar das celebrações realizadas no Santuário. Muitos deles relatam que alcançaram milagres por intercessão da santa.

Todos os anos, em data anterior ao dia dedicado à N.S. da Medalha Milagrosa, são feitas celebrações especiais na cidade. Estas festividades têm início com uma novena, que acontece entre os dias 18 e 26 de novembro de cada ano.

Durante os dias da novena, há uma programação especial, com horários de missa diferenciados, shows e uma tradição de todos os anos: a distribuição das medalhas. Além disso, ao lado da Igreja é montada uma praça de alimentação para os romeiros.

No dia da Festa da Padroeira, dia 27, que também é feriado municipal, é realizada a tradicional Procissão Luminosa no período da noite, além de queima de fogos em homenagem a N. S. da Medalha Milagrosa. No encerramento da Festa, nos últimos anos, tem acontecido o EvangelizaShow.

Venha participar desta festa cheia de alegria e fé!

 

Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de Monte Sião

A origem do mistério da medalha milagrosa se deu no dia 27 de novembro de 1830, em Paris, na França.

A noviça Catarina Labouré, da Congregação de São Vicente de Paulo, estava na capela da congregação para meditar, quando a Virgem Maria fez uma aparição e revelou a Medalha Milagrosa. Veja um trecho da revelação de santa Catarina Labouré sobre a aparição:

“… uma Senhora de mediana estatura, de rosto muito belo e formoso… Estava de pé, com um vestido de seda, cor de branco-aurora. Cobria-lhe a cabeça um véu azul, que descia até os pés… As mãos estenderam-se para a terra, enchendo-se de anéis cobertos de pedras preciosas. A Santíssima Virgem disse-me: ‘Eis o símbolo das Graças que derramo sobre todas as pessoas que mas pedem …’ Formou-se então, em volta de Nossa Senhora, um quadro oval, em que se liam, em letras de ouro, estas palavras: ‘Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós, que recorremos a Vós’. Depois disso o quadro que eu via virou-se, e eu vi no seu reverso: a letra M, tendo uma cruz na parte de cima, com um traço na base. Por baixo: o Sagrado Coração de Jesus e o Sagrado Coração de Maria. O de Jesus, cercado por uma coroa de espinhos em chamas, e o de Maria também em chamas e atravessado por uma espada, cercado de doze estrelas. Ao mesmo tempo, ouvi distintamente a voz da Senhora, a dizer-me: ‘Manda, manda cunhar uma medalha por este modelo. As pessoas que a trouxeram, com devoção, hão de receber muitas graças”.

Em 1832, dois anos depois da primeira aparição, o pedido de Nossa Senhora foi atendido e a medalha foi feita. A Medalha se propagou e as graças e milagres obtidos fizeram-na receber o título de Medalha Milagrosa.

 

Hino à Padroeira

Letra e música de Lourenço Guireli Júnior

 

I

Nossa Senhora da Medalha

Nossa querida padroeira

Aqui estão os teus devotos

Aqui tu és mãe brasileira.

Terra de gente carinhosa

Terra marcada à tradição

Almas felizes que se amam

Almas raízes da Fundação.

Refrão

Ó Maria! Celsa beleza

Virgem Santa deste rincão

Ó medalha tão milagrosa

Todo amor de Monte Sião.

II

Salve Estrela Matutina

Salve gloriosa esperança

Fonte de fé desta cidade

Fonte do bem que nos alcança.

Canto nenhum é mais sublime

Canto que honra a Mãe da Luz

Graça maior não pode haver

Graça do amor que nos conduz.

Refrão

Ó Maria! Celsa beleza

Virgem Santa deste rincão

Ó medalha tão milagrosa

Todo amor de Monte Sião.

 

Se você nunca veio a Monte Sião, a passagem pelo Santuário de N. S. da Medalha Milagrosa é um passeio imperdível! Traga sua família para participar da Novena e Festa da Padroeira!

admin

Dar uma opnião

Clique aqui para postar sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *